10/01/12

:)

Assim do nada, do silêncio, no carro:
- Não fui eu!
- Não foste tu o quê?
- Que fazi.
- Que fizeste o quê, querida?
- O pum.

1 comentário: